O sonho continua.

06 de Abril de 2018.

Está foi a data do meu último voo como Comandante de Caravan na Indonésia pela Susi Air.  Foi um dia normal, ou mais próximo do normal que poderia ser na Indonésia. De lá para cá já são 30 dias que estou no Brasil.

O capítulo Susi durou 2 anos e 8 meses. Foram 1400 horas de voo e um aprendizado e uma experiência imensurável, incomparável. Conheci pilotos do mundo inteiro e suas historias, compartilhei experiências e cabine com profissionais das mais distintas escolas do mundo. E com eles desbravei uma grande parte das 17.000 Ilhas da Indonésia. Cruzei este arquipélago sem repetir muitos lugares neste tempo e conheci as incontáveis culturas, línguas e povos desta terra.

Está “viagem” de quase 3 anos, na qual permaneci sem base, casa ou local fixo. Da qual retornei com somente 20 kilos de bagagem fisica, não só marcou minha carreira profissional como também mudou minha personalidade. Me ensinou a voar mas foi muito mais além, também me ensinou sobre muitas culturas, me ensinou a viajar, a me comunicar em várias línguas ou até comunicar sem nenhuma lingua, improvisar, manter a calma, e acima de tudo a aproveitar cada momento, pois de todos esses momentos inesquecíveis poucos se repetiram, foram muitas despedidas e muitos reencontros. Mas também muitas partidas sem despedidas. A única certeza que tínhamos todos os dias é que estávamos vivendo as melhores histórias aeronáuticas e mochileiras das nossas vidas.

Por mais que eu tente, vai ser difícil achar neste mundo lugar mais desafiador e incrível de se voar que a Indonésia. Exatamente por isso eu nem tentei. Partimos agora para uma nova etapa e um novo aprendizado. Um tipo de voo completamente diferente mas que também terá seus desafios. Em alguns dias estarei embarcando para Hong Kong onde começo meu type rating em um Airbus 320. Quem sabe logo teremos o Voando em Hong Kong ou o Voando na Indonésia parte 2. Agente nunca sabe, esse mundo da tantas voltas que eu fui parar de outro lado =)

Até logo.

 

 

 

Advertisements

Dois anos de Indonésia!

01 de Agosto de 2015 deu-se inicio em Pangandaran – Java essa jornada que já dura dois anos.

Foram voadas por volta de 1100 horas nesse período (550 ano), 800 como Co-piloto e agora 300 como Comandante desde Dezembro, tempo do upgrade, até Junho tivemos poucos contratos e consequentemente menos voos, fazendo com que as horas de Comando demorassem a vir um pouco nesse ano, no segundo semestre estamos de volta ao normal voando cerca de 70/80 horas mês.

FB_IMG_1504067906568

 

Vestindo a camiseta do Brasil em uma Ilha quase na fronteira com as Filipinas sem infraestrutura e energia elétrica.

Continuando em direção a outros objetivos, ao atingir 200 horas em Comando foi hora de ser checado em uma pista de operação um pouco mais complexa situada a 3.000 pés e iniciar a operação na ilha de Sulawesi com visuais de tirar o folego e um pouco mais de montanhas, gradativamente prosseguimos step by step assim como foi quando era Co-piloto, ninguém começa operando nas pistas mais restritas de uma hora pra outra, e aos poucos estamos chegando la.

FB_IMG_1504067869093

 

Pousando em um Vulcão em Ambon – Indonésia.

Os últimos meses foram um tanto quanto gratificantes, operando em regiões dominadas por vulcões, pousando em um, fazendo alguns voos de localização de barcos ilegais de pesca, voando em regiões nunca antes visitadas por mim, e sobrevoando pontos turísticos incríveis da Indonésia, com certeza monotonia ainda esta em falta nesta operação.

FB_IMG_1504067934358

Região da Ilha do Dragão de Komodo – Único lugar do mundo onde o animal vive na natureza.

Como dito o primeiro semestre foi um tanto quanto devagar, porem já em Junho a atividade aumentou assim como deu-se inicio muitas contratações, segundo semestre esta muito ativo e com boas chances de mais entradas. O Let 410 finalmente vai entrar em operações com a tripulação completa e com 6 Comandantes  de Caravan movidos para Co-piloto desta aeronave já de olho na chegada de mais um avião.

FB_IMG_1504068012992

Funnel Cloud sobrevoando o mar a 1000 pés em busca de barcos ilegais de pesca, ao desviarmos de uma tempestade cerca de 200 milhas da costa nos deparamos com este fenômeno.

Para completar esse post abaixo segue o vídeo resumindo o que aconteceu nestes últimos meses, com algumas das melhores cenas e visuais voandonaindonésia.

 

 

Upgrade para Comandante.

Desde o primeiro dia de treinamento como co-piloto até o primeiro dia de treinamento como comandante de Caravan foram exatos: 1 ano e 4 meses.

Em novembro deu-se início uma nova fase, depois de voar em inúmeras bases em diferentes ilhas da Indonésia, de passar por dois vôos de avaliação, um dia de testes teóricos, duas seções de simulador na esquerda, comecei o treinamento para comandate.

Composto de mais uma semana de ground school, 4 sessões de IFR com panes no simulador, e 3 voos na aeronave, seguidos por 20 horas de line training voando double captain.

Munkee_1224171207.jpg

Amanha dia 31/12/2016 vai ser meu primeiro dia como comandante com um co-piloto. Acho que é uma ótima maneira de terminar o ano.

O último ano foi de muito aprendizado, muitos voos na Papua e muitas viagens.

O período detransição e treinamento está registrado neste vídeo:

E assim começamos 2017, com o pé direito, mas do lado esquerdo. 

Para 2017 já estamos preparando para a chegada dos LET410 que estão prontinhos na fábrica, já com a logo Susi Air. Great times!

20161230_143320.png

 

 

 

 

Processo seletivo Outubro/Novembro 2016.

Ultimamente a única pergunta que tenho recebido frequentemente é essa, e já que no dia 22 de Outubro a empresa nos enviou uma news letter, informando o número e a nacionalidade do staff, inclusive propostas de expansão, entre outras informações, aí vai mais essa dica.

Nas palavras do training department “October and November are also recruiting months and we have started concluding interviews in Pangandaran. As always we welcome all employees to forward recommendations to the following email: recruiting@susiair.com recruiting.susiair@gmail.com

Entre outras informações vale ressaltar que o número de brasileiros aumentou para 7, estamos em quarto na contagem de nacionalidades trabalhando na empresa, empatados com os Britânicos e Indonésios.

Para mais informações leia os outros posts do blog e não esqueça de visitar o site da empresa susiair.com

Novo processo seletivo.

Boas notícias do outro lado do mundo.

images

Acabei de voltar de férias do Brasil, onde passei maravilhosos 30 dias, e enquanto estou em Pangandaran para recurrency training,  no centro de treinamento e base operacional da Susi Air, fiquei em contato mais próximo com os diretores de treinamento e instrutores.

A primeira boa notícia é que as novas turmas estão aumentando em tamanho (mais pilotos) e também em frequência. Então mais uma vez ressalto, este é o momento para dar aquela “tentiada” novamente com o currículo, ou quem sabe mais um aviso pra você correr e tirar esse ICAO english level agora! As portas aqui agora estão totalmente abertas a Brasileiros. Estamos em um total de 4 pilotos da terrinha, recentemente mais dois foram entrevistados. Isso tudo é consequência principalmente da minha insistência em contar para eles a atual situação econômica do nosso país, o que estimula a empresa a esperar que brasileiros fiquem mais tempo, e queiram desenvolver carreiras no exterior, é claro que a inundação da caixa de e-mail de currículos do Brasil também está ajudando, e confirma a minha versão.

A outra notícia completo com duas fotos abaixo, se você quiser saber mais não deixe de visitar o site da empresa, na seção de carreiras onde além de os mínimos para Co-piloto de Caravan 2016, você vai achar essas outras duas oportunidades de emprego: Co-pilot LET 410, Captain LET 410 and Fast track Captain CARAVAN. Isso mesmo, se deu início um projeto para aumento da frota.

See you soon and happy “endings”!!

2016 Pilot Career – Non-Indonesian

Thank you for your interest in Susi Air.

Susi Air would receive any pilot application all year long but only shortlisted candidates will be followed up and depending on company needs.

Susi Air would conduct interview when the need for pilot arose. Otherwise there will be no interview.

Susi Air adopted regulations from Indonesian Directorate General of Civil Aviation as the basic requirement for employment and added up with other company’s interior requirements.

All pilot applications must be submitted by e-mail to:

recruiting (at) susiair.com no spaces

Applications sent to other addresses will not be followed up.

CATEGORY 3. Non-Indonesian / Non-Indonesian License Holder:

  1. Hold minimum 250 hours on aircraft and preferably above 750 hours. (simulator time not included).
  2. Comprehensive CV. Specify hours flown in the last 6 months and last 12 months.
  3. at least ICAO CPL Single Engine Land and IR (current). FAA mother license is preferable.
  4. Copy of latest examiner’s report/ proficiency check form/ flight review/ flight test, exhibiting the Single Engine and IR rating as per license.
  5. First Class medical (current), no restriction except for corrective glasses.
  6. License verification letter with current information from authority
  7. Free of accident-incident verification report from authority.
  8. Copy of logbook in the last three months with verification stamp or signature from chief pilot or flight instructor.
  9. candidates must be free from any form of color blindness and passed the Ishihara Color Test – Indonesian authority only accept the Ishihara Color Blind Test.
  10. Minimum of level 5 ICAO English proficiency test.
  11. Valid passport minimum 24 months left

Posted: April 28, 2016, 2:04 am

20160715_161013
Enter a caption

20160715_161028